Todos os envios sempre grátis *

138 Produtos
Definir direcção ascendente
  1. «
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. 5
  7. »
  1. «
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. 5
  7. »

Encontrar um remédio para a osteoartrite é agora mais necessário do que nunca: milhões de pessoas são afectadas por osteoartrite. O desgaste da cartilagem articular podem começar aos 35 naos e, gradualmente, aumentar com a idade. A terapia e os suplementos naturais podem ser uma grande ajuda.

A partir de 35 anos podem aparecer os primeiros problemas nas articulações e, a partir dos 60 anos de idade, quase todos estão afetados pelos seus sintomas. A dor nas articulações pode afetar qualquer parte do corpo, no entanto, manifesta-se na maioria das vezes nas articulações que suportam a maior parte do peso do corpo. A cartilagem articular é reduzida cada vez mais até que, finalmente, acaba por roçar com o osso, o que é muito doloroso.

Remédios para aliviar a dor nas articulações

Embora a medicina convencional tem o critério de que uma cartilagem danificada não pode regenerar-se, foi demonstrado que a regeneração é possível tomando certos nutrientes.

Além dos tratamentos médicos para as artroses e osteoartrite, existe um número de suplementos naturais vitais que pode ser um remédio para essas doenças. Estes suplementos naturais podem reduzir ou parar a inflamação nas articulações e regenerar a estrutura da cartilagem.

Entre estes suplementos destacam o colagénio, uma proteína que forma parte essencial da cartilagem. O colagénio pode neutralizar a inflamação e a dor nas articulações e ajudar a regenerar a cartilagem articular. O colagénio está disponível como suplementos alimentares, em forma de cápsulas.

Igualmente importante é o glucosamina para o tratamento da osteoartrite. A glucosamina é um amino-açúcar, que produz o corpo humano e é um componente da cartilagem. Produz um alívio significativo da dor articular crónica ou aguda, regenera a cartilagem e reduz a dor nas articulações.

Outra substância de vital importância é a condroitina. Esta substância é um componente essencial da cartilagem. Estimula a formação de novo tecido na cartilagem, reforça as fibras de colagénio e assegura a eliminação de substâncias prejudiciais nas articulações.

Outro dos remédios para a osteoartrite é o ácido gordo ómega-3. Além das suas muitas qualidades positivas, também ajuda a aliviar os sintomas da osteoartrite.

Os ácidos gordos ómega-3 encontram-se também no óleo de krill, bem como no metilsulfonilmetano (MSM), ambos ajudam a combater as dores típicas das articulações causadas por esta doença.

Também são úteis para tratar os sintomas da osteoartrite e osteoartrite os antioxidantes como a astaxantina e curcumina.

Na formação da cartilagem desempenham um papel importante diversas vitaminas e minerais, incluindo o magnésio, que acalma a dor muscular, e a vitamina C, que é um importante catalisador para a formação da estrutura óssea.

Todos estes nutrientes vitais estão disponíveis na nossa loja como suplementos dietéticos.

A osteoartrite e a dor das articulações

A artrose e a osteoartrite são causadas pelo desgaste e a inflamação das articulações. Cada vez são mais, as pessoas que sofrem esta doença e que procuram uma alternativa aos medicamentos e á cirurgia. É fundamental que não esperes até que as tuas articulações estejam tão danificadas pela osteoartrite, que já não se possam curar.

A maioria da população entre os 50 e 60 anos de idade, sofre dores no joelho ou ancas. A culpa disto é uma doença das articulações, degenerativa, que se conhece com o nome de osteoartrite.

Embora, em princípio, todas as articulações podem ser afetadas, a dor produz-se principalmente nos joelhos e nas ancas, já que são as que suportam maior carga de peso corporal.

Mas a doença também pode afectar outras articulações, como a coluna, tornozelos, ou várias partes da mão.

Um excesso de exercício ou uma excessiva tensão também pode causar o desgaste na articulação da cartilagem e causar uma diminuição do líquido sinovial.

A falta de lubricidade limita o deslizamento das articulações e causa dor por fricção na membrana sinóvial irritada.

Ao longo do tempo, o osso, músculo e ligamentos podem ser afectados, dando como resultado deformidades nas articulações e perda de movimento que, no pior dos casos, requer a substituição das articulações.

O que causa a osteoartrite?

Nem toda a gente nem todas as articulações são afetadas da mesma maneira pela osteoartrite. Especialmente são as articulações sujeitas a um maior esforço, as que se desgastam prematuramente ao produzir-se um desequilíbrio entre a capacidade e o peso real que aguentam.

Os factores desencadeantes incluem tanto a inatividade como a sobrecarga, assim como diferentes comprimentos de pernas, o stress físico, desportos que exigem esforço, alterações na articulação resultante de uma lesão, inflamação ou certas doenças metabólicas. Além disso, também o excesso de peso e factores hereditários são riscos importantes para o desenvolvimento de osteoartrite.

Quais são os principais sintomas da osteoartrite?

Em primeiro lugar, as articulações danificadas pela osteoartrite reagem com rigidez e tensão. Mais tarde, a dor produz-se depois de um período de descanso ao voltar a fazer um movimento e, finalmente, começa a aparecer uma tensão constante até que a dor se torna permanente.

Os sintomas podem também depender do clima e irradiar dor a outras zonas distintas da articulação afetada. Na atrose avançada, pode produzir-se uma inflamação das articulações com uma importante redução do movimento, devido à degeneração das articulações.

Particularmente dolorosa é a osteoartrite ativa, na qual a articulação danificada responde a uma sobrecarga forte ou a uma alteração de temperatura com uma inflamação dolorosa da membrana sinovial.

Diagnóstico: Como se pode diagnosticar a osteoartrite?

Avaliar o grau de restrição como consequência da artrose é uma análise que corresponde ao médico. Nas radiografias pode ser detectado o estreitamento do espaço articular e das alterações ósseas características das articulações afectadas. Além disso, ao fazer uma ressonância magnética são visíveis as mudanças da cartilagem.

Tratamento: Que medicamentos se tomam para tratar a osteoartrite?

Quando a degeneração da articulação se detecta no início, pode-se parar e conseguir curar-la. Normalmente, trata-se com medicamentos convencionais para aliviar a dor, a inflamação e devolver ao paciente a sua qualidade de vida.

Mas esta solução só trata os sintomas, mas não trata a causa real da osteoartrite.

Além dos analgésicos são utilizados cortisona e anti-inflamatórios. A dor aguda pode ser tratada localmente por injeções conjuntas com corticosteróides ou anestésicos.

O problema é que o paciente acredita que a súbita ausência de dor é devido a que a artrite melhorou e volta a forçar a articulação de novo, fazendo com que a cartilagem danificada se desgaste cada vez mais até ter que recorrer a articulações artificiais.

Tudo isso pode ser evitado com a ingestão de remédios naturais para combater a osteoartrite quando os primeiros sintomas aparecem. Estes remédios naturais proporcionam à cartilagem a substância que necessita para regenerar-se e permitir a realização de movimentos sem dor.

Prevenção: A detecção precoce da osteoartrite

As possíveis deformidades congénitas das articulações podem ser detectadas, já durante a infância, por ultra-sons e mediante um tratamento prematuro apropriado para impedir o desgaste das articulações.

Além disso, também se pode prevenir com treino específico muscular, movimentos suaves das articulações e tomando suplementos dietéticos naturais para a osteoartrite. Em combinação com uma dieta saudável consegue-se perder peso e liberar as articulações de um peso ou tensão excessivos.

 


Colagénio

Colagénio

O colagénio é uma substância de origem proteica presente na maioria dos tecidos conjuntivos no nosso organismo. Têm uma função estrutural, tanto ao nível da pele (primeira barreira de proteção) como nas articulações. A nível de suplementação, podemos encontrá-lo na forma hidrolisada ou sem desnaturalizar (UC-II). A sua suplementação está principalmente associada com uma diminuição da dor articular, embora se tenha observado que alguns peptídeos pertencentes ao colagénio, favorecem a conexão neuronal através de neurotrofinas (BDNF).


Glucosamina

Glucosamina

A glucosamina é um dos ingredientes mais populares e eficazes na luta contra a dor, a inflamação e a perda de cartilagem. Vários estudos in vitro mostram que a glucosamina tem a capacidade de estimular a produção de cartilagem. A glucosamina é um amino açúcar, que forma parte essencial do corpo humano. É um dos constituintes básicos dos tendões, cartilagens e ligamentos e garante, igualmente, a sua regeneração e restauração. Além disso, a glucosamina regula o fluido sinovial que o organismo necessita para que as articulações se movam sem quaisquer limitações.


Condroitina

Condroitina

A condroitina protege os tendões e as articulações. Desempanha um papel importante na formação do fluido sinovial e ajuda nos problemas articulares. Além disso, a condroitina também evita que se produzam flebites e tromboses. Atualmente, existem muitas pessoas que sofrem de dor nas articulações. O nosso ritmo de vida atual obriga-nos a estar muitas horas no trabalho em frente ao computador. Além disso, também não realizamos o suficiente exercício ao ar livre. A condroitina está disponível como um suplemento dietético e utiliza-se principalmente para aliviar a dor das articulações e a osteoartrite. Também ajuda contra outras doenças, tais como a flebite, inchaço e hematomas.


óleo de krill

Óleo de Krill

O krill é considerado um grande tesouro devido aos seus excelentes benefícios nutricionais, entre os quais destacam a grande quantidade de proteínas e ácidos gordos ómega 3, aos que são atribuídas propriedades cardioprotetoras, ao favorecer o aumento de colesterol HDL ou colesterol bom e reduzir risco cardiovascular. O Óleo de krill tem muitas propriedades: protege o coração, tem efeitos anti-inflamatórios, protege os vasos sanguíneos e alivia os sintomas da artrite, alergias, diabetes e o reumatismo. Muitas vezes, as pessoas perguntam como é que o óleo de krill pode ajudar a aliviar diversas doenças, como as doenças cardiovasculares, artrite ou a síndrome pré-menstrual. A resposta é muito simples: O óleo de Krill é o anti-inflamatório mais eficaz.


Omega-3

Ómega-3

Uma deficiência de ácidos gordos ómega-3 pode ter consequências negativas sobre a pele, músculos e ossos e também pode causar doenças cardiovasculares e arteriosclerosis. Os ácidos gordos essenciais Ómega-3 atuam como um autêntico "todo terreno" e também nos protegem contra as inflamações e diversas doenças neurológicas. Além disso, os ácidos gordos Ómega-3 contribuem para o desenvolvimento do cérebro e da vista dos fetos e recém-nascidos. Os ácidos gordos Ómega 3 são encontrados em pequenas quantidades em alguns óleos vegetais, mas encontra-se principalmente nos peixes (peixes azul e marisco) e, em menor medida, nas nozes.


MSM

MSM

MSM são as siglas de Methylsulfonylmethane, um composto natural que possui qualidades muito interessantes e clinicamente provadas por numerosos estudios. É uma substância de origem natural que contém enxofre, mas que tomado como suplemento alimentar regularmente é uma grande ajuda em doenças que padecem dor e/ou inflamação das articulações, como o caso da artrite, artrite reumatóide, etc. Além de melhorar processos inflamatórios articulares, o methylsulfonylmethane provou ser eficaz com outras condições de saúde, como prisão de ventre, cólicas e dores musculares, problemas de pele, acne, alergias ou problemas de parasitas. Hoje em dia estão a ser realizados estudos muito promissores sobre a ação de MSM sobre o Lúpus Eritematoso e outras doenças auto-imunes.


ácido hialurónico

Ácido hialurónico

O ácido hialurónico é uma substância que se encontra de forma natural no nosso organismo, principalmente nas articulações. Devido a isto, tem sido alvo de numerosos estudos para melhorar os sintomas de certas patologias associadas ao envelhecimento, tal como pode ser o caso da osteoartrite. O papel do ácido hialurónico é o de lubrificante articular, especialmente naquelas situações onde os níveis de colagénio são baixos. A nível desportivo, observou-se que o AH pode melhorar a recuperação de determinadas lesões frente ao placebo, como pode ser o caso de entorses.


Astaxantina

Astaxantina

A astaxantina é um pigmento natural de cor rosa ou avermelhado que pertence à grande família dos carotenóides. Os carotenóides são pigmentos que encontramos na natureza nos alimentos vegetais e que são conhecidos por serem eficazes anti-oxidantes capazes de proteger as nossas células dos ataques de certos radicais livres. A astaxantina está considerada como o carotenóide antioxidante mais benéfico que nos dá natureza. Hoje em dia, são muitos os estudos que demonstram que é uma substância benéfica para várias condições de saúde, desde oferecer proteção contra os raios UVA, proteção para os olhos e a saúde do coração, até para um melhor desempenho desportivo.


curcumina

Curcumina

A curcumina não é só o componente do caril, o que dá sua cor amarela, senão que esta planta também contém um ingrediente ativo muito potente que protege todas as células do corpo. A curcumina previne a inflamação ao nível celular e pode ajudar a prevenir muitas doenças crónicas. Os benefícios da curcumina são tão variadas que têm um efeito positivo praticamente em todos os órgãos do corpo. Entre outras coisas, a curcumina tem propriedades anti-virais, antibacterianas, anti-inflamatórias, anti-oxidantes e anti-fúngicas.


Glucosamina

Glucosamina - O Remédio Natural Para A Dor Das Articulações

A osteoartrite ocorre quando a cartilagem da articulação está danificada. A função da cartilagem é a de servir de amortecedor entre as articulações, mas quando está deteriorado um osso fricciona contra o outro produzindo a dor, a inflamação e a dificuldade de movimentos. Até agora, o único alívio da dor era o tratamento com medicamentos anti-inflamatórios (por exemplo, Brufen, Orudis) ou a injecção de esteróides (como a cortisona). Mas isto apenas camufla os sintomas e alivia momentaneamente a dor, ainda que a deterioração da articulação continua a ocorrer.


MSM

MSM - a ajuda contra a dor, a inflamação e a alergia

O methylsulfonylmethane (MSM), também chamado Dimethylsufon entre os profissionais de saúde e o público em geral, é cada vez mais popular devido aos seus benefícios para aliviar a dor e aumentar o bem-estar em geral. Muitos médicos descobriram que os medicamentos que tomam os pacientes para aliviar a dor podem ser reduzidas se os mesmos tomam MSM como suplemento dietético, seja através de cápsulas ou em pó.

  
  A Carregar...