Todos os envios sempre grátis *

274 Produtos
Definir direcção ascendente
  1. «
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. 5
  7. »
  1. «
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. 5
  7. »

O que é o Pré-Treino?

O Pré-Treino refere-se ao tempo que passa antes de começar com o treino. Forma parte do conhecido período de Peri-treino, que estaria formado por:

O Pré-Treino só acontecerá nos dias de treino mais exigentes ou quando disputemos um evento ou competição. Com a toma de suplementos Pré-Treino poderemos aportar nutrientes para dispo-los durante o treino e, entre outros resultados, reduzir a degradação de proteínas.

Porque devemos tomar um suplemento de Pré-Treino?

Porque devemos tomar produtos Pré-Treino

Os motivos para tomar um produto destas características atende a diversas razões, relacionadas diretamente com o nosso ritmo de vida. Com isto, a maioria das pessoas, após uma exaustiva jornada laboral, decidem acudir ao seu compromisso com o treino. Possivelmente, sobretudo a nível psicológico, não será o melhor momento, já que a capacidade cognitiva e de concentração, aspetos essenciais para focar a atividade física, pode ser reduzida ou já estar saturada.

Por outro lado, se o tipo de trabalho implica um fator físico, estaríamos a falar de uma grande perda de energia durante o dia, para que ao chegar o momento, demos passo ao treino.

Em ambas as situações, é o usuário final quem deve planificar corretamente como fazer a a semana de treino, em função das suas circunstâncias e da sua capacidade de suportar o volume e a intensidade do treino, conciliando-o com a sua tarefa.

Sob este critério, o uso de produtos Pré-Treino ficará nas mãos daquelas pessoas que não encontrem a motivação certa ou que a sua capacidade física e intelectual se encontre em níveis mínimos. Nestes casos, apoiar o treino com uma ingestão prévia de um suplemento Pré-Treino, poderá brindar certos benefícios para aproveitar e obter o melhor benefício dessa atividade física.

Benefícios de tomar um suplemento de Pré-Treino

Podemos diferenciar três tipos de benefícios na hora de tomar um suplemento de Pré-Treino:

  • Aporte de Energia
  • Melhora do Rendimento
  • Entrega de Nutrientes

O principal beneficio será o aporte eficaz de energia para conseguir um grande trabalho durante o treino, ou bem se se trata de uma competição. Nesse caso, deveremos ajustar os suplementos em função da atividade. Com este fornecimento, poderemos reduzir a fatiga, ao menos durante uma grande parte do treino, ainda que tudo dependerá de outros fatores, tal como o nosso padrão alimentício, ou bem a hora em que se treina.

Se treinamos na primeira hora da manhã, sem realizar uma refeição prévia, então será muitíssimo mais relevante ingerir um aporte energético que nos supra a carência nutricional e que nos permita manter o ritmo durante a sessão desportiva, sem acusar uma fadiga notável, tal que nos obrigue a parar de repente.

Os produtos que englobam esta categoria possuem certos ingredientes que procuram oferecer algumas melhorias no rendimento atlético, em matéria tanto de força como de resistência. Isto é, tratam-se de substâncias ergogénicas ou que proporcionam melhoras sobre as qualidades físicas. Neste âmbito devemos ressaltar que em nenhum momento serão produtos que estejam fora da legalidade vigente e que pudessem causar uma possível sanção de acordo com as distintas federações desportivas.

A via de atuação será diversa, desde contribuir para uma melhor oxigenação capilar, graças ao incremento da produção de Óxido Nítrico, até potenciar a chegada de nutrientes propícios para o desenvolvimento muscular e como combustível energético para os tecidos musculares.

Em função do nosso tipo de treino ou atividade, vai-nos convir um tipo ou outro de produto. Aqui faremos um inciso e explicaremos como afetará se o nosso corpo demanda um substrato energético ou outro:

Substrato de fosfocreatina

Esta fonte de energia obterá diretamente o ATP (a fonte de energia celular) a partir dos próprios depósitos que dispõe o nosso organismo. O principal problema, é que são muito limitados e é por isso que após um esforço máximo se vaziam, necessitando uma certa margem de tempo para voltar a re-sintetizar o ATP e enchê-los. Neste processo, o suplemento número 1 será a Creatina.

Se dentro da nossa rotina de treino consta a presença de levantamento de pesos, sprints, movimentos explosivos, ou similares, procuraremos um pré-treino ou bem tomar diretamente, a creatina.

Substrato Glucolítico

A energia que vamos utilizar para a re-síntese de ATP procederá nesta ocasião dos depósitos de carboidratos, ou seja, a partir do glicogénio. Se a atividade física supera um certo limiar de intensidade, a consequência será que estaremos a produzir um resíduo metabólico a grande velocidade, tal como é o ácido láctico. Trata-se do resultado da conversão de glicose em ATP e se o nosso não está capacitado para suportar esta substância, deveremos finalizar a atividade. No entanto, o treino, como tal, produzirá uma adaptação para esta situação e vai capacitar-nos para, pouco a pouco, ir suportando este tipo de demanda. Assim, certos suplementos podem-nos beneficiar no momento de “reciclar” o lactato e, por fim, elevar um ponto extra o nosso rendimento, orientado sobretudo à “performance”. A beta-alanina e a creatina podem-se combinar e obter um maior beneficio de ambos.

Se a atividade que nos ocupa possui estas características de demanda energética, tal como o atletismo, levantamento de pesos, CrossFit, desportos coletivos,… não deixaremos escapar esta oportunidade de potenciar o nosso rendimento físico.

Substrato Oxidativo

A fonte energética será obtida a partir dos depósitos de gordura, através dos triglicéridos que serão, em última instância, os que se “oxidem”. Neste caso, as atividades que fomentam este tipo de combustível têm a característica de serem duradouras ou resistivas, com uma intensidade que não supere o limiar aeróbico. Isto é devido a que para obter ATP a partir desta via energética, é necessário um aporte ótimo de oxigénio. Os suplementos que maior beneficio nos podem causar serão, sobretudo, aqueles que estão relacionados com a componente de aumentar a nossa capacidade de concentração já que estaremos submetidos durante um longo período de tempo dentro da mesma atividade e pode chegar a vencer-nos, não pelo cansaço físico, senão pelo psicológico. Dentro desta gama, os produtos estimulantes ou termogénicos, serão os mais adequados, além de que atuarão potenciando o uso dos ácidos gordos.

Como tomar um suplemento Pré-Treino?

Na hora de tomar um suplemento Pré-Treino, obteremos um maior beneficio se o realizamos com o estômago vazio e por volta dos 30 minutos prévios ao inicio da atividade física.

Se treinamos assim que nos levantamos, o nosso protocolo será tomar o suplemento, logo neste momento e esperar a margem de tempo, para começar. Em outro momento do dia, o mais recomendado seria realizar uma refeição prévia, com um tempo mínimo de 1,5-2 horas antes. Em função do reparto de nutrientes, esta refeição terá que ser ajustada, para evitar uma digestão difícil.

Se o tipo de produto contém uma certa quantidade de estimulantes, o mais recomendável é fazer uso da mesma em ciclos, para evitar que o nosso corpo se habitue a eles e não deixe de produzir o mesmo efeito. Assim, podemos recorrer ao uso do produto nos dias de maior carga de trabalho, ou senão, mediante semanas de toma, deixando um mínimo de 2 dias em cada 5 dias de uso. Por outra ordem, também poderíamos deixar passar um período maior de consumo, se decidíssemos manter uma ingestão durante várias semanas consecutivas.

Suplementos para o Pré-Treino

Dentro do catálogo dispomos de produtos completos, com formulações próprias do fabricante, que aportarão os nutrientes que tenha considerado, ou podemos ter acesso a produtos de maneira isolada, tal como é o caso da linha HSN Raw Series e criar as nossas próprias combinações, a partir de um ou mais produtos, em função das nossas necessidades.

Entre os produtos mais destacados na hora de proporcionar nutrientes para beneficiar-nos no ambiente do treino, podemos destacar:

Proteínas

Podemos incluir no nosso Pré-Treino uma toma de proteína. Neste caso, a melhor proteína para antes de treinar será aquela cuja digestão seja muito rápida para dispor dos nutrientes na corrente sanguínea durante o treino.

Algumas opções recomendadas seriam:

Hidratos de carbono

Como vimos, fornecer estes nutrientes influirá drasticamente no nosso rendimento, já que aportarão energia. Aqui devemos procurar um tipo de hidrato que não provoque uma alteração excessiva do IG para evitar algum sintoma de hipoglucemia.

Algumas opções recomendadas seriam:

Pré-Treinos com estimulantes

Dentro desta categoria encontramos produtos que vão aportar uma matriz de ingredientes, destinados a potenciar o rendimento e, além disso, incluindo estimulantes, para obter um maior resultado. Deveremos sempre comprovar a nossa tolerância diante estes mediante a redução da dose nas primeiras tomas. Outros fornecerão diretamente o ingrediente com poder estimulante.

Algumas opções recomendadas seriam:

  A Carregar...